Bem-vindo ao blog da Santo Angelo!

Cabos e acessórios SANTO ANGELO tem na Music Jungle
Compre já!

No palco, no instrumento musical e agora (de novo) no seu carro.

por Bruno Di Lascio

Sabemos muito bem da paixão do brasileiro pelos carros e pela alta velocidade. E quem é aficionado pelas 4 rodas também gosta de um som de qualidade quando os pinos estão travados e o cinto afivelado, não é mesmo? Mas não precisa continuar a leitura, se você não gostar de carro nem do som automotivo de qualidade.


Ah, que legal que você continuou lendo. Sabia que há alguns anos atrás, a SANTO ANGELO foi muito forte em cabos e acessórios para som automotivo, chegando até a distribuir os amplificadores de uma marca americana chamada Phoenix Gold? Acabamos saindo desse mercado em 2005 para nos concentrarmos em multicabos para áudio profissional, mas nunca esquecemos a tecnologia de fabricação daqueles itens.

Hoje, com o aumento da capacidade fabril, resolvemos voltar ao mercado e é com orgulho que apresentamos a marca “ANGELS Car Audio”, nossa linha de produtos exclusivos para som automotivo de qualidade.

Os itens (cabos RCA, conectores e cabos em rolos para alto falantes) serão oficialmente apresentados ao mercado durante o ENAN (Evento Nacional Automotivo de Negócios) promovido pela Revista AUTOMOTIVO entre 03 e 05 de março de 2015, na capital de São Paulo.

E aproveitando esse relançamento, eu preparei um post especial sobre um dos efeitos físicos mais interessantes que ocorrem nas instalações automotivas quando os cabos não são bem selecionados: o efeito Doppler.

Certamente você já esteve parado no transito, quando ouviu uma ambulância ou qualquer carro oficial se aproximando com a sirene ligada. Desse instante até o momento que o veiculo te alcança e ultrapassa, houve uma mudança significativa na sonoridade percebida da sirene, não é mesmo?

DOPPLER 003

Esse fenômeno físico é conhecido como Efeito Doppler e ocorre devido à reflexão das ondas sonoras em um objeto. Por incrível que pareça, uma instalação de som automotivo pode apresentar esse efeito se ocorrer algum erro na seleção das bitolas dos cabos dos alto falantes. Assim, ao invés do som sair em uma frequência determinada, essa poderá ser alterada, mudando a fidelidade sonora da sua instalação.

Por este motivo recomendamos abaixo duas tabelas para a escolha da bitola dos cabos dos alto-falantes, lembrando que para os valores apresentados a seguir, foi considerado o comprimento máximo de 15 metros dos cabos.

DOPPLER 001

Relacionando a potencia da instalação com a Impedância da caixa de falantes, ou da forma que os falantes forem ligados, você descobre a Corrente Elétrica que passará pelos cabos. Uma vez descoberta esse valor, é só entrar na tabela seguinte e conferir a bitola (área da seção transversal) do cabo recomendado.

DOPPLER 002

E se você for distribuidor de produtos automotivos, visite a ENAN 2015 e confira nossos produtos.

Até a próxima.