Releases V: Quem as empresas procuram?

Olá querido leitor (ou leitora), tudo bem com você?

Antes que eu apresente qual marca convidei nessa semana para falar sobre suas estratégias de Endorserment, queria que você relembrasse (ou lesse, caso seja novo por aqui) esse post  do nosso parceiro Bruno Palma.

Para resumir, o Bruno avalia, naquele post, as semelhanças e diferenças entre duas recentes feiras do setor de instrumentos musicais e áudio, ocorridas entre 2017 e 2019. Olha só uma das conclusões:

“Um destaque da Music Show nesta edição (2019) novamente foi o espaço maior para os micro e pequenos empreendedores handmade (ou Custom), em relação à primeira edição.”

“Observei que movimentou boa parte do público neste setor, onde era possível realizar os testes e conversar diretamente com quem constrói os produtos.”

Mas o que são fabricantes handmade ou custom made, mesmo?

Claro que já sabe que esses empreendedores (ou handmakers, como os gringos falam e muitas vezes músicos como você), são aqueles fabricantes de pequeno (ou mesmo individual) porte, capazes de construir um produto do jeito que você deseja. Sob medida, entende?

E muitos desses handmakers aprenderam fazendo como fazer isso. Na base da tentativa – teste – erro até conseguirem um know-how que muita indústria de maior porte não tem.

Isso me lembra que uma vez Thomas Edison disse: “Eu nunca falhei. Só descobri 10 mil jeitos que não funcionaram.”

Mas voltando ao tema central dos meus posts anteriores, que você pode relembrar clicando aqui , nesse link , ou ainda esse  e também nesse  ficará mais fácil entender as estratégias da (nossa) SANTO ANGELO, da Tagima,  da Tokai e da Borne com relação aos atuais contratos de endorserment.

Eu sei que você se compromete todos os dias praticando e tocando cada vez melhor o seu instrumento musical. Mas, o mercado exige de nós profissionais diversas qualidades, além do talento.

E você precisa reservar um tempo nessa rotina agitada que vivemos para fazer networking, marcar shows, praticar seu marketing pessoal/digital e se relacionar com as maiores empresas do mercado.

E como pensam os handmakers com relação aos seus artistas?

Ora, eles que tratam diretamente e sabem detalhes do gosto e estilo de cada um dos seus clientes, certamente devem ter regras e estratégias igualmente bem definidas quando o assunto diz respeito aos endorsers.

Por tudo isso que você leu acima e por se tratar de um guerreiro do setor, além de muito amigo aqui da SANTO ANGELO, que eu convidei o Tavio Miranda, guitarrista, fundador, diretor e RA (Relações com Artistas) da TMiranda, fabricante nacional de amplificadores para instrumentos musicais, potências, pedais e processadores para nos contar mais sobre as estratégias que ele adota e que podem ser bem diferentes daquelas que você leu até agora.

Clique na foto abaixo e descubra os itens fundamentais que o Tavio e equipe contaram sobre seus futuros contratados e como funciona a política de parcerias da TMiranda Amplificadores.

Depois comente o que achou dessas informações, combinado?

—–

Obrigada, Tavio por dividir toda a sua experiência como diretor da TMiranda  aos leitores e ouvintes do blog SANTO ANGELO. Desejo-lhe ainda mais sucesso nos negócios e parcerias com os músicos brasileiros.

E quem desejar entrar em contato com a equipe de Marketing da marca, basta clicar nos links das redes sociais abaixo:

Siga a TMiranda no Instagram

Siga a TMiranda no Facebook

Espero que aproveite bem essas informações para alcançar ainda mais sucesso na sua carreira musical.

Lembre-se dessas palavras chaves que aprendemos no testemunho do Tavio: persistência, paciência e esforço são fundamentais para alcançar o sucesso e reconhecimento.

Só lhe peço que compartilhe esse conhecimento com seus amigos e amigas nas redes sociais, para que mais pessoas possam perder o medo das mudanças e assumirem suas decisões com mais coragem.

Abraços e até a próxima.

—————

Lygia Telesé Relações Públicas e especialista em Marketing pelo SENAC-SP. Desde janeiro/16 integra a equipe de Marketing e Comunicação da SANTO ANGELO.