Bem-vindo ao blog da Santo Angelo!

Cabos e acessórios SANTO ANGELO tem na Music Jungle
Compre já!

Roadie: trabalhando nos bastidores da Iluminação

banda-1

Olá pessoal, tudo tranquilo?

Para quem nos acompanha, aqui no blog ou nas redes sociais, sabe do esforço da nossa equipe em trazer sempre novas opções de trabalho para quem deseja viver de Musica no Brasil, quer seja nos palcos, quer nos bastidores.

Para quem prefere os bastidores, já falei sobre a profissão de roadie de músicos nesse post e sobre os roadies de áudio, nesse outro.

Hoje trago mais uma especialização para quem deseja viver como roadie.

Além dos instrumentos bem afinados e do som impecável (leia-se inteligível e com níveis adequados da pressão sonora (SPL) , existem outros fatores que influenciam na qualidade e experiência do público nos shows.

Dessa forma, assim como estudamos sobre o mercado de áudio e o mercado de música em geral,  é interessante prestar atenção nas funções e no dia a dia do roadie que atua na área de iluminação de shows, eventos sociais e corporativos.

Os roadies, especializados em luzes e iluminação de shows, usam inúmeros equipamentos e efeitos para impressionar a platéia e chamar atenção para a performance do artista.

Além disso, os profissionais devem dominar conhecimentos de energia elétrica, principalmente Aterramento, além de trabalhar em sintonia com os produtores.

Quer saber mais sobre a área de iluminação?

Convidamos o Fernando Fabri, músico, roadie e sócio da F. Som (locadora de equipamentos de som e iluminação) para nos contar sua experiência no ramo. Acompanhe:

SANTO ANGELO: Quem é o Fernando Fabri? Quais ou quem são os clientes típicos de um técnico de iluminação?

FERNANDO FABRI: Sou um apaixonado pelo mercado da música e consequentemente por trabalhar nos bastidores, no caso, equipamentos de som e de iluminação.

Aprendo muito no dia a dia em cada show ou evento, pois gosto muito dessa adrenalina e dos desafios. A gente só relaxa a mente quando termina, na certeza que deu tudo certo.

imagem-002

Sempre acreditei no potencial que o mercado da música tem e que depende de cada um de nós buscarmos a melhor atividade dentro da área.

Atuo como técnico de iluminação na empresa F. Som e sou um dos sócios fundadores. Além disso, fazemos a iluminação de grandes casas de shows e Pubs em São Paulo e Grande São Paulo.

SA: Quais são as competências comportamentais e técnicas necessárias para ser um técnico de iluminação?

FB: Vamos lá! O mercado de iluminação em geral exige um conhecimento bem generalista dos profissionais, pois a carga de responsabilidade e estresse é muito grande.

Acredito que o primordial é buscar sempre a perfeição técnica, ou seja, testar inúmeras vezes, criar possíveis planos para situações problemáticas, manter a calma diante das dificuldades que sempre ocorrem nos eventos.

A constante atualização profissional deve ser uma realidade constante na vida profissional do técnico. Informação e conhecimento são com certeza grandes vantagens sobre os demais profissionais.

Ainda não existe nenhuma formação acadêmica para esta área, porém temos excelentes cursos de aprimoramento, inclusive, com uma grade muito boa e técnica.

001

Além disso, por estar sempre em contato com o cliente, tenho que fazer um bom briefing para saber interpretar o que o cliente está imaginando, suas reais expectativas para criar efeitos e cenários que o agradem.

SA: Você acredita que o mercado de iluminação está em crescimento?

FB: Acredito que sim, pois os clientes estão cada vez mais exigentes e buscando por profissionais qualificados.

Observo isso pela demanda dos meus serviços, mas vejo que está cada vez mais difícil adquirir equipamentos de iluminação com qualidade, pelos preços surreais (alta carga de tributos) que estão sendo praticados no Brasil.

Dessa forma, infelizmente, acabamos comprando produtos importados. Tudo isso acaba influenciando no valor praticado no mercado, pois investimos muito em qualidade e equipamentos de ponta.

SA: Em sua opinião, quais características você considera fundamental para se destacar na área de iluminação?

FB: Acredito que a característica fundamental para se destacar na profissão sem dúvida é conhecer uma grande variedade de equipamentos. Mas cuidado: nem sempre o mais caro é o mais eficiente porque este conceito já está ultrapassado.

Além da teoria, é preciso prática (experiência), buscar conhecimento em Eletricidade e  funcionamento em geral de sistemas de iluminação, além de desenvolver sempre o seu lado criativo.

Também é importante criar um repertório de luz com o intuito de se destacar.

SA: Qual mensagem você deixa para quem almeja seguir a carreira de técnico de iluminação?

FB: Deixo uma mensagem de coragem em seguir nessa área fascinante de iluminação, embora com algumas dificuldades, como quase todas as profissões. Não desanimem mesmo quando a profissão for desvalorizada pelos próprios profissionais da área, porque muitos não se atualizam ou se aprimoram.

Desenvolver  o networking  é essencial para conseguir um relacionamento mais próximo com pessoas relevantes da área.

Construa suas habilidades técnicas e comportamentais com ética, faça atividades que ajudem sua criatividade e trabalho em equipe, pois para o sucesso de um show ou evento, o trabalho de toda a equipe é primordial.

iluminacao_25-02

Resumindo: invista sempre na sua formação, nunca deixe de estudar! Acredito que um trabalho com qualidade e paixão sempre dá belos frutos.

Finalizando, queria agradecer ao pessoal da Santo Angelo pela oportunidade de contar um pouco da minha vivência na área.

Valeu, Fabiano Fabri, por dividir sua experiência conosco e lhe desejamos ainda mais sucesso e reconhecimento pelo trabalho bem feito. Tenho certeza que suas informações foram bem esclarecedoras para nosso leitores.

E já sabem: caso surjam dúvidas, é só comentar aqui no blog e nas redes sociais da SANTO ANGELO que procuraremos responde-las.

Abraços e até a próxima!

Lygia Teles, é Relações Públicas e pós-graduanda em Gestão de Marketing pelo SENAC-SP. Desde janeiro/16 integra a equipe de Marketing e Comunicação da SANTO ANGELO.