Tunando guitarras com GParts by SANTO ANGELO

Por Alexandre Berni

Olá pessoal! Hoje vamos falar brevemente sobre uma experiência pela qual passei e que terminou bem, Graças a Deus. Há mais de 5 anos atrás, estava pesquisando novidades pela Teodoro Sampaio na cidade de São Paulo, mais conhecida como “A” rua brasileira dos instrumentos musicais, quando entrei em uma galeria de lojas e avistei uma guitarra usada Tagima, modelo Stratocaster, das séries mais antigas.

Foi paixão a primeira vista. Gostei tanto da cor quanto da escala clara em Maple, aparentemente bem conservada. Ao pegá-la nas mãos, pude avaliar melhor a construção e peso, confirmando que havia sido produzida com tipos bons de madeiras. No entanto, minha decepção foi na hora de tocar: o timbre dos captadores não me agradou e as cordas não permaneciam afinadas, principalmente nos bends. O que fazer? Eu só tinha duas opções: comprá-la e depois fazer um upgrade de suas peças ou não comprá-la.

Figura 1

Como voces já devem ter adivinhado, paixão é perdição e optei por comprá-la (Figura 1). Lembro bem de ter chegado todo contente em casa  e, logo em seguida, começado a pesquisar sobre captadores e tarraxas para trocar. Acho que já entenderam porque fiquei mais de 5 anos com ela guardada, não é?  As opções de tarraxas boas e captadores que me agradavam, quando somados chegavam a um valor maior que o dobro do preço que havia pago pela guitarra. Tristeza total e a única saída foi aguentar a bronca da mulher e colocar minha nova e frustada paixão no armário.

Passaram-se alguns anos e após testar os novos lançamentos da SANTO ANGELO,  resolvi retomar aquela antiga paixão de recuperar aquela guitarra comprada 5 anos atrás.

Algumas pessoas chamam de tunar, outras de turbinar, já ouvi falarem upgrade e também customização. Em suma, todas estas palavras nos apontam para um caminho só: melhorar a guitarra tanto na parte funcional como esteticamente. Acredito que podemos melhorar tanto as guitarras de baixo custo, líderes de venda no mercado, como também as guitarras consideradas “TOP”. Para o gosto pessoal, a imaginação não tem limites, mas para o nosso bolso sim! Já viram aquele comercial de telefonia: “Ihhhhhh….limitado?”

Comprei todas as GParts by SANTO ANGELO que precisava e arregacei as mangas. Venham comigo nesta viagem, mas nunca se esqueçam de usar ferramentas (figura 2) de boa qualidade para evitar acidentes pessoais inclusive contra seu instrumento querido.

Figura 2

Começando a trocar as tarraxas, procure retirar as antigas com cuidado principalmente para não riscar o instrumento. Basicamente as tarraxas estão presas ao headstock por um acabamento com rosca na parte frontal e um parafuso fino na parte posterior do headstock, conforme as figuras 3 e 4.

Figura 3
Figura 4

Ao colocar as tarraxas novas com trava lançadas pela SANTO ANGELO, que, diga-se de passagem, são formidáveis, eu não conhecia nenhuma marca nacional que vendesse uma tarraxa assim. Você irá perceber que elas possuem um tamanho padrão pois o orifício do parafuso da tarraxa anterior ficou posicionado perfeitamente na nova tarraxa, assim evitamos fazer  novos furos na guitarra. Figura 5

Figura 5

Quando vamos apertar o parafuso da tarraxa eu sempre tenho cuidado pois ele é fino e quando apertarmos muito forte até o final  poderemos quebrar a cabeça do parafuso. Vocês nem imaginam o transtorno que teremos para retirar este parafuso quebrado, e somente para constar vou falar sobre este assunto em algum post futuro.

Figura 6

Partiremos agora para a montagem do escudo, após ter retirado todos os captadores e potenciômetros antigos. Vocês poderão encontrar, na seção “Faça Você Mesmo” desse blog, mais informações passo-a-passo de como refazer toda a parte elétrica de guitarras.

Eu colocarei 3 captadores H-Texas, 3 potenciômetros A250 e chave de 5 posições, todos comprados da marca SANTO ANGELO.

Figura 7

Para montarem a parte elétrica basta estudarem estes posts abaixo:

http://blog.santoangelo.com.br/trocando-captadores-2/

http://blog.santoangelo.com.br/tunando-sua-stratocaster-de-maneira-diferente

Vejamos como ficou depois de todas as peças montadas:

Figura 8

Veja o antes e o depois das tarraxas. Figura 9

 

Figura 9

Compare também os resultados, após colocar os captadores e os novos Knobs da marca SANTO ANGELO.

Figura 10

Bem amigos, a intenção deste post foi mostrar que podemos melhorar nosso instrumento de maneira considerável, utilizando componentes comprados, aqui no Brasil mesmo, com preços justos e garantia de fábrica, E mais: alem das peças GParts by SANTO ANGELO  ainda coloquei cordas 0,10 também da mesma marca.

Agora a guitarra ficou perfeita para o meu gosto, tanto em timbres quanto na sustentação da afinação e o melhor: mostrei que continuo apaixonado pela minha mulher, podendo até me permitir novas paixões por outras guitarras com preços de oportunidade.

Espero que tenha ajudado a todos e se quiserem enviar perguntas estarei pronto para respondê-las.

Um Grande Abraço,

Doutor Santo Angelo.