Bem-vindo ao blog da Santo Angelo!

Cabos e acessórios SANTO ANGELO tem na Music Jungle
Compre já!

Rei do iPhone: Lições de Aprendizado

Rei do iPhone 2

Você provavelmente viu ou ouviu esta história que circulou nas redes sociais no mês de abril/16. Postada pelo Caio Rossoni, com a imagem de um cartão de visitas de uma loja, o autor elogiava a honestidade daquele lojista, contando como resolveram um problema com seu celular, cujo conector de bateria estava apenas sujo, impedindo a recarga.

Para resumir a história, Caio foi à Rua Santa Ifigênia (para quem não sabe, uma rua com lojas especializadas em eletroeletrônicos no centro da cidade de São Paulo), para tentar solucionar um problema no celular que não recarregava a bateria.

Na primeira loja, o atendente não analisou o aparelho e, apenas ouvindo o relato do problema, disse-lhe: “…vou ter que abrir a peça e vai te custar R$ 180“. Achando muito caro esse orçamento pelo “serviço” Caio resolveu pesquisar outras lojas, até encontrar um quiosque chamado “Rei do iPhone”. O atendente ouviu o problema e afirmou: “o conector deve estar apenas sujo”. Em seguida, limpou o conector e lhe devolveu o smartphone.

E quanto esse conserto custou?

Nada, já que se tratava de um procedimento extremamente simples. A única coisa pedida pelo lojista foi que divulgasse a loja entre os amigos. Caio acabou postando o cartão nas suas redes sociais e a estratégia funcionou.

Esse post foi compartilhado mais de 70 mil vezes e o número de clientes da loja aumentou nada menos do que 900%, passando de 15 para 150 atendimentos diários, gerando longas filas para atendimento.

imagem 001

Convenhamos que Honestidade não deveria ser notícia, mas hábito. Porém, vivemos uma época que valores essenciais são esquecidos. Dessa forma, atitudes tanto do lojista como do Caio Rossoni resgatam bons valores e são disseminadas rapidamente nas redes sociais.

Depois de saber de tudo isso você pode estar se perguntando: “OK, Lygia, mas o que eu posso aprender com esse case?”

çp

Muito! Este case tem mais a nos ensinar do que você imagina. Sempre falamos aqui no blog sobre os mais diversos temas, de empreendedorismo à comportamento, mas o centro do pensamento é sempre o mesmo: o músico para se destacar precisar mudar constantemente o mindset e ampliar seu olhar para novas oportunidades.

Ou seja, além de Música e instrumentos, cada músico hoje em dia deve entender conceitos de marketing, comunicação e aplicá-los na sua carreira. O “Rei do iPhone” entendeu esta lógica e o poder das redes sociais nos dias atuais e soube como potencializar um cliente satisfeito.

O músico não pode ser diferente, quando busca alavancar sua carreira. Por isso, responda essas questões para você mesmo:

  • Tem compartilhado seu conhecimento em vídeo aulas com quem não tem como pagar por esse tipo de aprendizado? Inspire-se neste post que falamos no início do ano, veja aqui.
  • Como tem tratado os Fãs e público que conheçam e prestigiam o seu trabalho?
  • Como anda a sua comunicação com seus parceiros e marcas patrocinadoras?
  • Tem participado de todas as oportunidades de mostrar seu talento através das suas redes sociais ou de empresas que patrocinam essas aberturas? Não vá me dizer que não conhece o grupo SANTO ANGELO 15S no Facebook ou os concursos culturais que a marca promove trimestralmente?
  • Além das redes sociais, você tem aproveitado todas as chances de tocar e mostrar seu talento ao vivo? O voluntariado é uma boa oportunidade de fazer o bem e divulgar seu trabalho, confira neste post.
  • Finalmente, você tem se mostrado ou autopromovido de maneira integrada?

boca-a-boca-810x511

Podemos ir além: quantas vezes você recusou tocar em algum lugar porque o dono do bar pediu para dar uma palinha? Quantas vezes você disse que não seria possível tocar naquele estande da Expomusic porque o cachê era muito baixo?

Enfim, como diz aquele velho ditado: “ É preciso saber perder para ganhar”, ou seja, apresente seu trabalho com integridade e comprometimento, os resultados são apenas consequências.

E se o “Rei do iPhone” tivesse respondido: Custou R$ 30,00 e fale de mim para seus amigos”?  Com certeza, o Caio não teria feito o post do jeito que fez e não teria gerado o mesmo buzz.

A comunicação contemporânea não admite falhas em nenhum tipo de serviço, devemos entregar o máximo da experiência para nosso público. Além disso, preservar um bom posicionamento nas redes e adequar a linguagem ao público. Possuir uma visão estratégica e atualizada sobre os assuntos que envolvem a música e sua carreira são essenciais para o crescimento.

Abraços e até a próxima!

Lygia Teles, é Relações Públicas e pós-graduanda em Gestão de Marketing pelo SENAC-SP. Desde janeiro/16 integra a equipe de Marketing e Comunicação da SANTO ANGELO.