Release: quem você é como artista

Salve leitor ou leitora do blog SANTO ANGELO. Tudo bem com você?

Como lido com endorsees clique aqui para saber entre endorser e endorsee) todos os dias, assim como aqueles que desejam participar do cast SANTO ANGELO, tenho me decepcionado com a qualidade do material de apresentação que recebo: os chamados “releases”.

Afinal, você sabe o que é e como preparar um release profissional?

Para quem já é nosso leitor sabe que esse tema vem sendo tratado há muito tempo aqui no blog, como nesse post que fizemos em setembro de 2016

Como nem todos os músicos são nossos leitores, sempre recebo diversas perguntas, através das nossas redes sociais, de como montar um release atrativo para apresentar ao pessoal de Marketing das marcas.

É preciso, antes de tudo, entender que um release é o verdadeiro currículo de todo músico e, para despertar o interesse de outras pessoas, precisa ser conciso, objetivo e bem redigido.

Portanto, o release artístico nada mais é que uma apresentação resumida sobre a sua trajetória musical até a data presente. Ou seja, precisa ser constantemente atualizado.

Todo release deve ser escrito de forma formal sem erros ortográficos porque você quer causar uma boa impressão, não é mesmo?

Além disso, o conteúdo do release deve ser um relato breve da sua formação e das atividades desenvolvidas como profissional do setor (não vale incluir outras atividades não relacionadas, com exceção daquelas voluntárias) e serem descritas numa ordem capaz de gerar interesse pelo seu trabalho.

Infelizmente, não existe uma receita de bolo para escrever o release ideal, mas alguns itens são fundamentais e não devem faltar no texto. São eles:

Tenha uma identidade visual: Sei que você é músico e deve se preocupar em tocar e estudar muito o seu instrumento musical. Porém, quando falamos em músicos de sucesso, a identidade visual é um item fundamental.

Antes de começar a redigir seu release, converse com quem entende da área de design e crie uma identidade própria, como por exemplo, uma logo ou um padrão de cores para sua comunicação.

Essa identidade vai representa-lo visualmente como artista por meio do conjunto de símbolo, cores, formas e fontes. Afinal, tudo isso traduz o seu conceito artístico e marca.

Quando falamos sobre comida, sempre usamos o ditado de que “primeiro se come com os olhos”, não é? Com o release não é diferente. Capriche!

Caso não seja possível encontrar ou contratar um profissional da área por motivos financeiros, faça você mesmo um padrão de logo e identidade, utilizando o Canvas

Título: É simples, mas jamais se esqueça: caso o foco seja apenas uma apresentação, insira o seu nome artístico ou da banda. Mas, se for de um projeto específico (gravação de um álbum ou abertura de uma escola de música, por exemplo) mencione logo no início para contextualizar quem for ler o seu release.

Influencias: Muitas marcas (ou seja, os responsáveis pelo Marketing das empresas) gostam de entender como o músico iniciou sua carreira, se foi por intermédio da família ou quais foram suas principais influências musicais. Por isso, relate de forma concisa o seu despertar para a Música.

Formação musical: Todos nós sabemos o quanto o músico estuda diariamente para tocar bem um instrumento musical. Mas, e quem não é do mercado? Será que tem noção de como funciona a formação de um músico?

Pelo sim e pelo não, acredite que não. Por isso, aproveite para descrever os principais cursos e os seus respectivos mestres. Todas essas informações são importantes para dar credibilidade ao seu projeto.

Top five da sua carreira: Descreva os melhores momentos ou melhores trabalhos que fez até a data do release. Isso mesmo, essa etapa é importante para você mostrar quais foram os melhores projetos da sua carreira, parcerias com outros artistas ou bandas e até mesmo premiações nos concursos promovidos nas redes sociais.

Tire um tempinho para pensar com calma nesse quesito e, se for possível, pergunte para um amigo próximo o que ele considera fundamental ou relevante na sua carreira até o momento.

Fale do agora: Como diz o velho jargão: “Quem vive de passado é museu”. Então, mencione, para quem for ler seu release, quais projetos você está participando atualmente, quais são suas marcas parcerias.

Além disso, se está acompanhado algum cantor ou em projeto solo. Tudo isso ajuda a entender o seu momento atual e como a marca ou outros interessados, vê numa eventual parceria, uma forma de também estabelecer uma relação ganha-ganha.

Mostre seu talento com vídeo: Isso mesmo que você leu: vivemos na área do audiovisual. Antes de iniciar qualquer gravação não deixe de planejar o seu roteiro. Isso ajuda a evitar desvios e imprevistos na execução e garante um bom resultado final.

Mas, lembre-se: pense em um ambiente ou cenário diferente para a sua gravação, verifique com antecedência se pode fazer barulho no local, se você pode contar com a iluminação natural ou se será necessário providenciar luz artificial.

Mas, como vou gravar de forma profissional se não tenho recursos ou equipamentos? Antes feito do que não feito, peça ajuda aos amigos e se não tiver câmeras profissionais, comece mesmo com o celular. Entretanto, seja bem criativo e capriche na edição.

Redes sociais: Agora é a hora de tirar o marqueteiro de dentro de você. Nesse quesito, você deve demonstrar em números/dados qual o seu público nas redes sociais.

Insira número de seguidores/curtidas nas principais mídias que atua como o Youtube, Instagram e Facebook, informando os views e alcance dos seus posts. Ou seja, demonstre que você possui uma boa gestão das suas mídias sociais.

Persista: Faça o melhor de acordo com as suas possibilidades. Não fique aguardando ser descoberto por uma gravadora ou empresário musical, não conte com o fator sorte, seja o seu maior incentivador. Mostre para o mundo o seu talento e utilize a internet como sua melhor ferramenta para chegar aonde almeja.

Nós estamos torcendo por você!

O que você achou dessas informações? Foram úteis para construir o seu release? Compartilharia esse post em suas redes sociais?

Se gostou, comente conosco sobre sua experiência  e dificuldades ao escrever seu release e o que você acha essencial para se destacar no meio da multidão.. Se não gostou, comente aqui embaixo para que possamos entender e pesquisar novas formas de expor o nosso conteúdo.

Então clique na foto abaixo e conheça mais dicas de como escrever o seu release:

Dessa forma, ajudaremos uns aos outros a superar barreiras e avançar sempre.

Abraços e até a próxima!

——–

Lygia Teles, é Relações Públicas e especialista em Gestão de Marketing pelo SENAC-SP. Desde janeiro/16 integra a equipe de Marketing e Comunicação da SANTO ANGELO.