SEM MEDO DE “ESCAVAR” SUA GUITARRA

Olá amigos! Sentiram a falta dos meus posts aqui no blog? Confesso que senti a falta de vocês e prometo voltar com força total em 2014, antes que o Prof. SANTO ANGELO tome o meu lugar. E para começar o ano adotei este “slogan”: Dividir o Conhecimento é crescer como ser humano…

No período de ausência do blog, estava com  a equipe de trabalho da SANTO ANGELO na Winter NAMM 2014, que aconteceu em Anaheim, Califórnia-EUA e posso afirmar que foi um grande prazer participar com eles nesse evento. Logo publicarei algumas novidades que encontrei por lá.

Neste post abordaremos um assunto que traz muitas dificuldades para quem não pode contar com um luthier de confiança em sua cidade. Um amigo me pediu para trocar os captadores originais de sua guitarra e colocar o conjunto dos novos captadores SANTO ANGELO no braço e ponte, uma vez que não estava satisfeito com os originais. Como dizem os mais descolados, queria “tunar” a guitarra.

Porem, a dificuldade é o tamanho maior do captador em relação ao alojamento na guitarra, pois ele escolheu um P90. Esse modelo de captador tem um tamanho diferente dos tradicionais humbuckers.  Este é o principal motivo pelo qual muitas pessoas não adotam os captadores P90 rotineiramente, apesar de seu timbre ser formidável.

Vou demonstrar apenas o mais interessante e o mais difícil, pois na instalação elétrica, usei a técnica do “Siga o fio” (vide meu post mais antigo) soldando os fios dos novos captadores nos mesmos polos dos potenciômetros dos captadores anteriores.

Figura 1: Esta é a guitarra modelo Les Paul com os captadores originais
Figura 2 – Tamanho do P90 em relação ao alojamento original da guitarra.

Após retirar o captador humbucker, confirmei que o tamanho do alojamento ou “berço” não era suficiente para a adaptação  do P90 ( Figura 2 ).

Figura 3 – Proteção de fita crepe para a pintura original da guitarra

É muito importante protegermos a pintura com fita adesiva para iniciarmos a marcação de quanto teremos que adequar a madeira ao novo tamanho do captador ( Figura 3 ).

Figura 4 – Marcação do espaço para acomodar o novo captador P90 na ponte.

Devido a cor da guitarra ser preta, facilitei a marcação usando uma caneta corretiva para papel na cor branca. A figura 4 está demonstrando a marcação para a colocação do captador P90 na ponte.

Figura 5 – Marcação do espaço para acomodar o novo captador P90 no braço

A Figura 5 está demonstrando a marcação para o captador do braço da guitarra.

Figura 6 – Desbastando a madeira e abrindo estaco para os novos captadores P90

A etapa mais difícil e delicada é a demonstrada na Figura 6, pois devemos ter muito cuidado para não se machucar, nem arranhar a pintura original além da marcação que fizemos. Usei uma micro-retífica comum e facilmente encontrada no mercado com um disco de lixa para madeira.

Figura 7 – Resultado final da operação de desbaste do novo alojamento
Figura 8 – Outro ângulo do novo alojamento já desbastado.
Figura 9 – Detalhe do novo captador P90 já colocado no novo alojamento.

Ao colocar o captador SANTO ANGELO P90 na guitarra percebemos que o furo da moldura do captador original ficou em evidência ( Figura 9 ). Para isso, elaborei uma estratégia simples e acessível a todos.

Figura 10 – Detalhe de como “esconder“ os furos do captador original

Passo 1: comprar uma folha de adesivo facilmente encontrado em quaisquer papelarias na cor preto fosca ( Figura 10 ).

 

Figura 11 – Cortando o adesivo com estilete exatamente na medida do novo captador.

Passo 2: usar um estilete para cortar o adesivo. Como sou médico, usei uma lâmina de bisturi pois tenho mais facilidade com o instrumento (Figura 11).

Figura 12 – Detalhe do adesivo já cortado no tamanho do captador. Corte a borda depois.

Passo 3: após cortar o tamanho do captador no adesivo ( Figura 12 ), eu marquei um centímetro a mais para recortar em formato de moldura.

 

Figura 13 – Detalhe da fixação do adesivo na guitarra para cobrir a furação original.

Passo 4: aplicação da moldura de adesivo no captador da ponte (Figura 13).

Figura 14 – Aplicação do adesivo moldura no captador do braço.
Figura 15 – Resultado Final

A Figura 15 ilustra o trabalho terminado com bom resultado estético. Os captores tipo P90 tem a aparência de humbuckers mas na verdade são singles que fizeram “musculação”. Ou seja, são construídos com bobinas simples e apresentam um timbre muito agradável tanto para sons limpos como para sons distorcidos.

Como já comentei no início do post, não foi demonstrado a ligação elétrica, pois neste  blog existem outros textos demonstrando a técnica.

Esta foi uma maneira que encontrei para atender ao meu amigo na instalação dos captadores P90, mas acredito que existam outras, que podem ser mais difíceis ou mais fáceis. Se souber uma delas, divida sua experiência com a gente. Afinal, como afirmei no começo desse post, “dividir o Conhecimento é crescer como ser humano”

Um grande abraço a todos vocês,

Dr. Alexandre A. Berni