Bem-vindo ao blog da Santo Angelo!

Cabos e acessórios SANTO ANGELO é na Music Jungle
Compre já!

Sua PJ no Facebook: como aparecer

conectados-1

Olá pessoal, tudo tranquilo?

Em meus posts anteriores sobre PJ´s (Pessoas Jurídicas), principalmente esse  venho mostrando porque aqueles que pretendem viver da Música devem se formalizar.

Formalizar = estabelecer uma Pessoa Jurídica de acordo com a lei.

E mesmo que, atualmente, você exerça uma carreira musical solo, deve pensar seriamente em tornar-se uma PJ, conforme escrevi nesse post visando tempo de contribuição na Previdência Social.

Ou você quer viver da aposentadoria só depois dos 75 anos?

Aposto que não, certo? E já que, depois de ler os posts que mencionei, você já começou a pensar com uma cabeça PJ, que tal melhorar a sua divulgação nas redes sociais?

Durante o ano abordamos aqui no blog sobre a importância de estar presente em diversas redes sociais para ter um contato mais próximo com o público e com seus clientes.

Aí surge uma questão; utilizar redes sócias de massa ou de nicho? Eu também já falei sobre isso nesse post.

Minha sugestão é começar pelas redes de massa e, depois que obter experiência e resultados, ir para as redes de nicho.

Mas Lygia, você não disse nesse post  que devemos tomar cuidado com o Facebook?

Disse sim, mas em outro contexto. Lembre-se: estamos pensando com uma cabeça PJ, certo?

Assim, você precisa fazer campanhas de Facebook Ads para obter taxas de conversão maiores para a fanpage da sua PJ.

Ou você vai me dizer que ainda usa o seu perfil pessoal para comunicar os serviços da sua PJ?

Se ainda usa, sugiro que pare a leitura por aqui e vá construir primeiro a sua Fanpage PJ para só depois voltar a ler as próximas linhas.

Voltando ao assunto das conversões, para alcançar resultados satisfatórios (que gerem $$$$), você precisa adotar algumas das técnicas que os melhores especialistas em marketing digital usam ao criar anúncios.

Por se tratar de uma plataforma de publicidade que está dentro do Facebook, ou seja, que será comunicado nas timelines do seu público alvo, as pessoas por diversas vezes consideram esses anúncios de maneira um pouco invasiva.

Por isso é bom tomar alguns cuidados e respeitar certos limites.

Normalmente você (e a maioria da galera) não acessa o Facebook para fazer compras. O objetivo é simplesmente conferir o feed, saber o que os amigos estão fazendo, publicar fotos, compartilhar ideias, ou checar alguma informação.

Ter isso em mente é fundamental para conseguir direcionar suas campanhas da maneira correta e eficaz.

No Facebook Ads você deve ter uma preocupação gigantesca com a Imagem e Reputação, porque são dois conceitos bem diferentes.

As dicas a seguir dizem respeito à Imagem. Falarei sobre Reputação em outro post, porque é aí que profissionais de Relações Públicas desenvolvemos melhor o nosso trabalho.

Quer saber como ter sucesso com os anúncios do Facebook e qual a melhor maneira de ser assertivo? Confira as nossas dicas.

Imagem relacionada ao assunto: No Facebook, imagens são muito importantes, pois aumentam o engajamento do seu público.

Para obter o melhor resultado e destacar o seu anúncio evite usar qualquer imagem, muito menos aquelas automaticamente geradas pelo Facebook.

Opte sempre com imagens de mais qualidade. Atualmente você consegue inserir até seis imagens por anúncio. Tome cuidado também com o tamanho das imagens, o ideal é que tenha 1200×628 pixels.

Lembre-se de que o algoritmo do Facebook permite que apenas 20% da imagem possam conter texto. Ou seja, nem tente escrever mais que isso porque não vai passar.

 face

Crie vídeos: Os vídeos também são ótimas opções para aumentar o engajamento. A ideia é manter o vídeo o mais curto possível e fazendo o carregamento (upload) diretamente no gerenciador de anúncios do Facebook.

Um exemplo bacana é um vídeo de pessoas que utilizam seus serviços, dando testemunho da sua excelência ou seus diferenciais entre os demais concorrentes.

02

Publicação impulsionada: A função “Impulsionar Publicação” está disponível para qualquer tipo de postagem seja ela texto, perguntas, fotos ou vídeos.

É importante destacar que essa ferramenta faz parte de uma estratégia de divulgação e exposição da marca e não busca uma expansão da base de curtidas da fanpage.

Entretanto, em função de seu potencial de amplificação desse recurso, seja provável uma pequena expansão da base de fãs.

Para preservar o foco do Feed de Notícias, o Facebook exibe as notícias mais recentes em todos os perfis atualizados da rede social.

As postagens patrocinadas tem um prazo curto de duração de até sete dias. Por isso, é importante programar essa ação com antecedência, evitando, por exemplo, que o tempo de promoção abranja períodos que costumam ser de baixa audiência, como finais de semana ou feriados, dependendo do perfil do público-alvo.

face-01

Segmente suas campanhas: Muitas pessoas até fazem isso, mas não da mesma maneira que os especialistas, que geram grandes resultados.

O conselho fundamental está no planejamento das campanhas.

Você precisa saber os dados do seu público. Quais sãs as faixas etárias com as quais você trabalha? Quais são os interesses dessas pessoas? Ou seja, ter um perfil bem específico do seu público e clientes em potencial.

Caso você esteja com dúvidas, defina no máximo 4 interesses e, além disso, segmente o mesmo anúncio em grupos de idades diferentes.

Dessa forma você poderá avaliar qual é a faixa etária que mais tem conversão.

Como mensurar os resultados?

O resultado das postagens promovidas deve ser avaliado conforme o objetivo determinado para a campanha.

Passados o período escolhido, o botão “Impulsionar Publicação” é substituído pelo botão “Ver Resultados”.

Clicando neste novo botão, o Facebook exibe um resumo das ações dos usuários que tiveram como ponto de partida a postagem promovida.

Nesse resumo temos alguns dos principais indicadores de desempenho:

  • Alcance da publicação impulsionada
  • Grau de envolvimento
  • Quantidade de cliques
  • Curtidas na Página
  • Dados da segmentação

No painel de gestão de anúncios, podemos ter informações mais detalhadas sobre o desempenho da publicação promovida como a taxa de cliques e o CPM – Custo Por Mil da promoção.

Com base nestes dados podemos extrair diversos outros indicadores como o CTR e outros que se apliquem a análise em questão.

O Facebook também indica de forma detalhada o tráfego da publicação, dividindo-o em orgânico e pago. Dessa forma podemos analisar com mais forma de analisar precisão o verdadeiro impacto da ação.

Quer saber mais?

Existem vários cursos, blog e sites que estão sempre atualizando as dicas acima, além de proporem outras ainda mais legais.

Nós gostamos muito do Blog do HubSpot  e um dos posts mais bacanas deles sobre anúncios no Facebook é esse:

Não esqueça de comentar com a gente, outras dicas que tenha funcionado para divulgar seu trabalho, tanto no Facebook como nas outras redes sociais.

Abraços e boa sorte!

Lygia Teles, é Relações Públicas e pós-graduanda em Gestão de Marketing pelo SENAC-SP. Desde janeiro/16 integra a equipe de Marketing e Comunicação da SANTO ANGELO